Image Alt

Lápis Lazuli

Fórmula: (Na,Ca)8[(SiO4,S,Cl)2I(AlSi)4]6
Dureza: 5-6
Densidade: 2.4-2.9

 

Rocha metafórica constituída por vários minerais, sobretudo lazurite (origem da cor azul), calcite e pirite. Alguns exemplares podem incluir também sodalite, afeganite, mica, dolomite e diopside, mas para serem classificados como lapis lazuli têm de ter, pelo menos, 25% de lazurite.

 

O uso desta pedra é muitíssimo antigo, aparentemente desde o VII milénio a.C. no Nordeste do Afeganistão, registando-se mais ocorrências cerca de 3000 a.C. no Iraque, Paquistão e Egipto, onde o lápis lazuli era usado não só em joalharia e objectos ornamentais, mas também como cosmético e pigmento.

 

Conectada com o elemento Ar, o lápis lazuli estimula os 4º e 5º chakras, sendo tradicionalmente conhecida como pedra visionária e protectora, estimulando a intuição, o poder de comunicação e bloqueando todo o tipo de energias nocivas.

 

Na tradição Daoísta, o lápis lazuli é indicado para o alívio de dores em geral e acredita-se que quando usado em colar, cura a epilepsia, problemas dermatológicos, patologias pulmonares e deficiências de sangue. Estimula ainda o sistema metabólico e imunitário, retarda a perda de audição, elimina vertigens, regulariza a tensão arterial e os ritmos de sono.

Novas Normas de Funcionamento

Cumprimos escrupulosamente todos os critérios de higienização e normas de segurança preconizadas pela Direção Geral da Saúde no âmbito da prevenção e contenção do surto epidémico por Covid-19. Neste sentido, impõem-se novas normas de funcionamento:

1. O atendimento é feito unicamente mediante marcação prévia, de forma a evitar contacto entre pacientes;

2. No dia anterior à consulta, o Espaço InnZen entra em contacto telefónico para despistar eventuais sintomas relacionados com Covid-19 (tosse, febre, dificuldades respiratórias);

3. É obrigatório comparecer com máscara social que não deve retirar em nenhum momento;

4. Será solicitado que não traga acessórios (relógio, colares, brincos, etc);

5. Ser-lhe-á pedido que traga calçado de interior (chinelos de quarto ou similares), de forma a impedir a eventual contaminação do espaço com calçado de rua. Na impossibilidade de o fazer, ser-lhe-á facultado cobre-calçado descartável.